DECO aconselha prudência na entrega da casa ao Fundo de Arrendamento

DECO aconselha prudência na entrega da casa ao Fundo de ArrendamentoEm declarações hoje à TSF, Natália Nunes, coordenadora do gabinete de sobreendividamento da DECO, diz que a solução de entregar a casa onde se vive a um Fundo de Arrendamento Imobiliário,no caso de se atravessar dificuldades para poder pagar as respectivas prestações, não servirá todas as famílias. A DECO adverte que a decisão deverá ser muito bem ponderada e esclarecida.


Apesar de, aparentemente, ser uma medida positiva, ela não pode ser aplicada a toda e qualquer situação de família em dificuldade, porque apenas se aplica relativamente à questão do crédito à habitação. Existem muitas situações de famílias que estão com dificuldades, nomeadamente no que respeita ao crédito à habitação, mas que podem ser ultrapassadas negociando com o banco um outro produto bancário com outras características.

Natália Nunes, DECO

As declarações vieram no seguimento do anúncio no Fórum da TSF, por parte do Secretário de Estado do Tesouro e das Finanças de que o Fundo de Investimento Imobiliário será aberto a todos os portugueses, independentemente das dificuldades que tenham com o pagamento das prestações ao banco dos seus créditos à habitação.

Technorati : , , ,

Um Commentário “DECO aconselha prudência na entrega da casa ao Fundo de Arrendamento”

  1. ribeiro

    Mar 21. 2009

    eu tenho o credito um credito habitação na cgd mas tenho prestaçoes em atrasso posso passar o meu apartamento para o (FIIAH) mesmo com este problema?
    OBRIGADO

Deixe um comentário